13.6.06

Cartoon da Semana

Em jeito de celebração do início do Mundial...

Cartoon de Jacky Fleming

("Ainda não consigo acreditar que esta era a única forma de conseguir pôr o futebol feminino na TV...")
a

4 comentários:

peterpan disse...

olá! uma amiga falou-me deste site.

o cartoon não é treta. vocês ouviram falar de como a FIFA quis alterar o equipamento das jogadoras p/ elas ficarem mais "femininas" e atraentes p/ a público?

ms. niceperson disse...

É mesmo verdade o que escreveu @ peterpan!

«FIFA president Sepp Blatter said women should consider wearing more revealing uniforms, such as skimpier shorts, to bring more attention to the game. (...)

Blatter said women's soccer needs different sponsors from the men's game and should try to attract fashion and cosmetics companies by featuring "more feminine uniforms.", "Tighter shorts, for example," Blatter told the Swiss newspaper SonntagsBlick. (...)

Julie Foudy, co-captain of the U.S. national team, suggested other ways Blatter could improve women’s soccer.

“Instead of talking about tight shorts, FIFA should be focusing on increasing its support for the women’s game by instituting another world championship for youth women, pushing federations around the world to support their women’s programs, or giving prize money to teams in the Women’s World Cup,” she said. “We’ll start wearing tighter shorts when he starts doing press conferences in his bathing suit.”»

A notícia está aqui: http://www.msnbc.msn.com/id/3979389/

radical_pt disse...

Bom, devo considerar que à partida o facto de ser sugerido equipamento diferente para as mulheres futebolistas não me causa especial incomodo,até porque o mesmo ja acontece noutras modalidades (p.e.voleibol,atletismo...), por razões de maior conforto para as praticantes, creio bem...A grande questão para mim é saber até que ponto esta não é uma maneira de distinguir os praticantes do jogo, subtemendo-os à sua condição de género. Assim seria possível que as mulheres n pudessem ousar ombrear c os caracteres masculinos utilizados pelos homens em campo!
Mas da parte do presidente da FIFA registei a propósito na discriminação de género, um comentário bem mais grave ha uns tempos atrás quando este disse que "seria mais dificil uma mulher chegar um dia a Presidente da FIFA do que ser colocado um ship numa bola de futebol[isto a propósito da polémica que o segundo tema gera entre os amantes do fenómeno]"...
Seja como for, mesmo que sem grande mediatismo, é bom realçar que as grandes competições de selecções do futebol feminino têm sido transmitidas pelo eurosport e que mesmo a nossa selecção nacional da categoria sénior já recebeu mesmo honras de transmissão televisiva...
Mesmo a própria F.P.F. passou recentemente a prestar mais atenção às selecções femininas (basta ver as notícias do seu site oficial) e a colocar melhores condições de treino para as atletas!
É pouco, todos sabemos, mas acho que são exemplos positivos do que, nesta matéria como noutras, há que fazer em prol da democratização de certos meios outrora interditos ao sexo feminino. Em lugar de alinhar pelo diapasão do estereótipo e criticar uma qualquer actividade apenas porque a mesma suscita a criação de um asusstadoramente "masculino", não sendo a dita criticável por si só (acho q ninguem é contra a prática desportiva) emerge então a necessidade de discutir as reais condições do seu exercício!
É isto que espero continuar a fazer enquanto lutador pela causa feminista e apaixonado do futebol que sou...

M disse...

Radical_pt, gostei da tua intervenção embora nao concorde quando disseste

"Bom, devo considerar que à partida o facto de ser sugerido equipamento diferente para as mulheres futebolistas não me causa especial incomodo,até porque o mesmo ja acontece noutras modalidades (p.e.voleibol,atletismo...), por razões de maior conforto para as praticantes, creio bem..."

Jogo futebol e os equipamentos que foram propostos são desconfortaveis, jogar futebol com calções mais curtinhos e justos não daria jeito nenhum. Além de que deu para perceber pelo discurso do presidente da FIFA que a razão para a mudança dos equipamentos não era uma questão de desporto, mas sim uma questão de torná-las mais femininas.
Os equipamentos devem ser feitos para serem confortaveis, nao para mostrarem as pernas e o corpo das jogadoras.