3.7.08

Não sou suficientemente retrógrada, sou apenas bastante homofóbica

"Eu não sou suficientemente retrógrada para ser contra as ligações homossexuais, aceito-as, são opções de cada um, é um problema de liberdade individual sobre o qual não me pronuncio. Pronuncio-me, sim, sobre o tentar atribuir o mesmo estatuto àquilo que é uma relação de duas pessoas do mesmo sexo igualmente ao estatuto de pessoas de sexo diferente"

"Admito que esteja a fazer uma discriminação porque é uma situação que não é igual. A sociedade está organizada e tem determinado tipo de privilégios, de regalias e até de medidas fiscais no sentido de promover a família como algo que tem por objectivo a procriação. É uma realidade. Chame-lhe o que quiser, não chame é o mesmo nome. Uma coisa é casamento, outra coisa é qualquer outra coisa"

- Manuela Ferreira Leite na entrevista que deu à TVI, nesta terça-feira, dia 1.

Saberá Manuela Ferreira Leite no que toca às Uniões de Facto, já também consagrada para pessoas do mesmo sexo, cada parceir@ tem o mesmo estatuto fiscal? E que daí pode ou não resultar a procriação? Tal como os casamentos. E como quer o PSD ser um partido do futuro se dá 100 passos atrás, quando votou favoravelmente à revisão do artigo 13º da Constituição, do Princípio da Igualdade, ou seja, quando foi introduzido a não discriminação com base na orientação sexual, em 2004? E ainda acha que a função do  casamento é a procriação? (Oh que vislumbro uma Isilda Pegado, medo, medo, medo, é contagioso...)

Foi por estas e por outras (passadas e futuras), que há umas postas atrás, neste mesmo blog, houve apupos e polémica, sobre a sua eleição. Como já aqui se tinha dito, Manuela Ferreira Leite representa o pior - e o retrógrado - que há no seu partido.

Reacções e mais notícias aqui.

1 comentário:

Ingrid disse...

é de se impressionar tal pessoa com a cabeça tããoooo "aberta", tentar ficar no poder..... tsc tsc!!


Aqui é ingrid, do coletivo Ao Ataque, um coletivo feminista do RN.
No nosso blog tem um pouco da gnt:

http://coletivoaoataque.blogspot.com/